Ricardo Moura vence em Fafe

Ricardo Moura e António Costa em Ford Fiesta R5 foram os grandes vencedores do Rali Serras de Fafe, prova que abriu o Campeonato Nacional de Ralis de 2015. O piloto açoriano comandou sempre o rali, sem no entanto estar à vontade face à forte pressão dos seus adversários. Mora terminou as 12 especiais do rali com uma vantagem de 25s30 sobre a dupla Miguel Campos/Carlos Magalhães em Peugeot 208 R5.

No derradeiro lugar do pódio ficou a equipa João Barros/Jorge Henriques, em Ford Fiesta R5, também eles azarados, com um furo logo na primeira especial do segundo dia, a ditar um atraso que os afastou da luta pela vitória.

A primeira prova de 2015 deixa no ar a ideia que este será um dos mais competitivos campeonatos dos últimos anos, dada a grande quantidade e qualidade dos diversos potenciais vencedores em prova. Azar para a estreia do Citroen DS3 R5 de José Fontes e Miguel Ramalho, que perderam as hipóteses de lutar pelo triunfo devido a um problema na direcção assistida do carro francês.

Excelente a prova de Adruzilo Lopes e Vasco Ferreira, que ao volante de um Subaru Impreza R4 venceram o grupo RC2N, garantindo a quinta posição em termos absolutos.

Os vencedores do Campeonato FPAK Norte, foram Vítor Pascoal e Luís Ramalho em Mitsubishi Lancer EVO VII, que dominaram totalmente os acontecimentos em Fafe. No segundo lugar deste grupo ficaram Francisco Teixeira e João Serôdio  em Mitsubishi Lancer EVO X.

No Rali Sprint, a vitória pertenceu a Rui Guedes e Armindo Seara em BMW E30, na frente de Rui Morais e José Senra em SEAT Ibiza.

Campeonato Nacional de Ralis 2015

1.    Ricardo Moura, 25 Pontos

2. Miguel Campos, 20 Pontos

3º João Barros, 17 Pontos

4º Pedro Meireles, 14 Pontos

5º Adruzilo Lopes 12 Pontos

6º José Pedro Fontes, 10 Pontos